Challenger

Challenger Fungo entomopatogênico (Inseticida microbiológico) Isaria fumosorosea (CEPA ESALQ 1296)

Utilizar Challenger para:

Psilídeo (Diaphorina citri) em qualquer cultura na qual ocorra.

Embalagem:

Galões de polietileno contendo 5 L de produto.

Informações gerais

Quando utilizar o Challenger

Usar Challenger para controle do psilídeo do citros (Diaphorina Citri). O monitoramento com armadilhas é essencial para identificar a transição do inseto na lavoura. Além disso, as brotações podem ser um hospedeiro para o desenvolvimento de ninfas. As pulverizações devem ser realizadas com a presença da praga durante as brotações e também rotacionado durante todo o ano com as pulverizações de defensivo químico. O fungo atua sobre diferentes estágios de desenvolvimento dos hospedeiros, como larvas ou ninfas, pupas e adultos. Por se tratar de um produto biológico, as pulverizações com o Challenger poderão  ser realizadas próximas ao período de colheita.

Como o Challenger funciona?

Os conídios do fungo entomopatogênico Isaria fumosorosea, após a pulverização e depositados sobre o alvo, aderem-se ao tegumento do inseto e em condições ideais de temperatura e umidade relativa do ar, iniciam seu processo de germinação produzindo um complexo de enzimas que atuam na degradação do tegumento do inseto, permitindo com que o fungo penetre em seu hospedeiro. Uma vez no interior do inseto o fungo continua seu processo de desenvolvimento onde também continua a liberar de enzimas e metabólitos que acabam levando o inseto a morte. Logo em seguida o fungo inicia o processo de extrusão, colonizando desta vez a parte externa do inseto, onde comumente o inseto fica recoberto com uma fina e pulverulenta camada de conídios de tom rosáceo, confirmando assim a morte do inseto pelo fungo Isaria fumosorosea. Tanto ninfas quanto adultos são susceptíveis a ação do fungo. A cepa ESALQ 1296 do fungo entomopatogênico Isaria fumosorosea foi especialmente selecionada e avaliada para controle do psilídeo Diaphorina citri.

Como utilizar Challenger

Aplicação

Psilídeo - A aplicação pode ser feita através dos implementos de pulverização que já vem sendo utilizados comumente pelos citricultores como por exemplo, o turbo pulverizador, mantendo os devidos cuidados em relação ao volume de calda garantindo assim uma boa deposição e cobertura de folhas e ramos e consequentemente sobre o corpo do inseto, o psilídeo, Diaphorina citri.

Melhores condições de aplicação para Challenger

Aplicar o produto preferencialmente no final da tarde ou em dias nublados, com temperatura entre 25 e 35oC e umidade relativa do ar mínima de 60%.

Manuseio do Challenger

O produto deve ser armazenado por 180 dias sob refrigeração entre 4°C e 10°C

Compatibilidade Koppert

Selecione um dos produtos Koppert e outro produto para ver a compatibilidade.

Escolha Um Produto Koppert

  • Boveril
  • Challenger
  • Diplomata
  • Galloi Bug
  • Metarril
  • Pretio Bug
  • Spical
  • Trianum
  • Trichodermil

Escolha Um Produto A Comparar

    loading...
    Compatível
    Moderadamente Compatível
    Incompatível

    Entre em contato com um especialista da Koppert

    Koppert Biological Systems

    Thanks for your request!

    Something went wrong, please try again

    Quer saber mais sobre nossa empresa e produtos? Entre em contato com um dos nossos especialistas.
    Produzimos produtos e soluções para agricultores

    Este site é protegido pelo reCAPTCHA e pela Política de privacidade e Termos de serviço da Google.
    Este site é protegido pelo reCAPTCHA e pela Política de privacidade e Termos de serviço da Google.

    Assine nossa newsletter

    Receba notícias da Koppert do Brasil na sua caixa de e-mail

    Este site é protegido pelo reCAPTCHA e pela Política de privacidade e Termos de serviço da Google.
    Rolar para o topo